Ícones, iconografia e iconologia – 3 conceitos fundamentais na análise de arte

Newsletter

Ícones Iconografia e Iconologia

Neste artigo vamos analisar o que são ícones e os conceitos de Iconografia e Iconologia.

Autor: Yolanda Silva

Dos cursos Online: Iconografia dos Santos e Iconografia (Jesus e Maria)

A utilização de sistemas simbólicos está naturalmente patente no dia-a-dia da Humanidade.icone

 

Desde muito cedo, signos, símbolos e ícones de toda a espécie têm servido como uma das mais eficazes formas de comunicação.

Senão, vejamos exemplos do nosso quotidiano, como sinais de trânsito, sistemas de cores para divisão de tarefas, alegorias, como a Justiça, para definir o edifício do Tribunal.

 

Símbolos e ícones que podem assumir um significado diferente mediante o contexto do objecto ou local em que se encontra, ou da pessoa que o vê, mas que, habitualmente, é relativamente homogéneo.

 

iconicon

 

Em contexto artístico, a utilização de um ou vários símbolos (que poderão ser mais, ou menos, ambíguos) serve igualmente o propósito da comunicação de determinada mensagem.

Mas, afinal, o que são Ícones?

A definição que encontramos no dicionário diz-nos o seguinte:

«Ícone [ˈikun(ə)] – nome masculino – Do grego eikón, «imagem», pelo latim icŏne-, «idem»

  1. RELIGIÃO imagem pintada da Virgem, dos santos e anjos ou de cenas bíblicas, usada principalmente nas igrejas orientais católicas ou nas igrejas ortodoxas
  2. signo que mantém com o seu referente uma relação natural de similitude
  3. pessoa, facto ou coisa capazes de evocar e representar determinado movimento, período, atividade, etc.
  4. INFORMÁTICA símbolo que, numa interface gráfica, representa uma função ou um documento que o utilizador pode selecionar.»

(in: Dicionário da Língua Portuguesa com Acordo Ortográfico [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2015 : http://www.infopedia.pt/dicionarios/lingua-portuguesa/ícone )

Tal como o símbolo, o ícone é, no fundo, aquilo que representa ou sugere algo, ou seja, é aquilo que usamos ou convencionamos para transmitir a nossa mensagem específica, dentro daquilo que seja corrente no sistema de ideias em que nos inserimos.

Tal é o exemplo dos símbolos de lavagem de roupa.

Iconografia dos SantosO ícone vai, portanto, substituir a mensagem escrita, transmitindo-a eficazmente através de uma representação pictórica.

Iconografia e Iconologia

Podemos recorrer, também, ao dicionário para nos ajudar a definir Iconografia e Iconologia:

«Iconografia [ikunuɡrɐˈfiɐ] – nome feminino – Do grego eikonographía, «pintura de retratos»

  1. conjunto de imagens a respeito de um determinado assunto
  2. estudo e descrição das imagens, quadros, bustos e pinturas antigas e modernas»

(in: Dicionário da Língua Portuguesa com Acordo Ortográfico [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2015 : http://www.infopedia.pt/dicionarios/lingua-portuguesa/iconografia)

«Iconologia [ikunuluˈʒiɐ] – nome feminino – Do grego eikonología, «linguagem figurada»

estudo e interpretação de imagens, monumentos antigos, figuras alegóricas e seus atributos.»

(in: Dicionário da Língua Portuguesa com Acordo Ortográfico [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2015 : http://www.infopedia.pt/dicionarios/lingua-portuguesa/iconologia)

Podemos, então, diferenciar Iconografia e Iconologia nos seguintes termos:

Para aprender mais sobre iconografia e análise de arte

1 Comentário. Leave new

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Fill out this field
Fill out this field
Por favor insira um endereço de email válido.
You need to agree with the terms to proceed

Newsletter

Menu