Hoje, visite o Museu do Louvre …

Hoje visite o Museu do Louvre em mais uma visita guiada pela Emília Mori, autora dos nossos cursos Linhas Gerais de Gestão Museológica e Património Cultural.


Hoje, que tal visitarmos o Museu do Louvre, na França?

Museu do Louvre doc

Mas antes – o que vai encontrar?

O edifício

Musée du Louvre (em francês) ou Museu do Louvre (português),além de ser considerado o maior museu de arte do mundo também se classifica como um monumento histórico, pois abriga aproximadamente 38 mil objetos – desde a Pré-história ao Século XXI – expostos numa área de 72 mil e 735 metros quadrados. É um dos pontos turísticos mais visitados no mundo. Só em 2017 recebeu 8 milhões e 100 mil visitantes.

Museu do Louvre sub solo

A localização do Louvre é privilegiada, fica na margem direita do Rio Sena, marco central de Paris (França) e está localizado também no Palácio do Louvre, onde originalmente foi construído para ser uma fortaleza. Foi construído entre os séculos XII e XIII, durante o reinado de Filipe II. No porão do Museu é possível visualizar os restos da fortaleza.

Em razão do desenvolvimento urbano da cidade, a fortaleza acabou sendo convertida em 1546, por Francisco I, na residência principal dos Reis Franceses. Diversas vezes foi ampliado, formando o atual Palácio do Louvre. Luís XIV, em 1682, preferiu estabelecer sua residência no Palácio de Versalhes, deixando o Louvre para guardar a coleção real, incluindo a coleção de esculturas antigas gregas e romanas. Em 1692 o Louvre abrigou a Académie des Inscriptions et Belles-Lettres (permaneceu opor 100 anose pela Academia Real de Pintura e Escultura.

O Museu

Durante o período da Revolução Francesa, a Assembleia Nacional Constituinte francesa decretou que o Louvre possui a finalidade de museu e passou a exibir exposições das obras-primas do país.

O Museu do Louvre foi inaugurado em 10 de agosto de 1793, houve uma exposição com 537 pinturas, a maioria eram obras pertencentes à realeza ou propriedades confiscadas da Igreja. Durante o governo de Napoleão a coleção aumentou, em razão disso chegaram à renomeá-lo de Museu Napoleão. Contudo, após a abdicação do mesmo, houve diversas apreensões de obras e devolvidas aos seus proprietários originais.

Durante a Terceira República (em francês: La Troisième République – 1870 à 1940) as peças cresceram constantemente em razão de doações e legados.

A coleção foi dividida em 8 departamentos curatoriais para melhor compor o acervo:

  • Antiguidades Egípcias;
  • Antiguidades do Oriente Médio,
  • Antiguidades Gregas,
  • Etruscas e Romanas;
  • Arte Islâmica;
  • Escultura;
  • Artes Decorativas;
  • Pinturas;
  • Impressões e Desenhos.

A visita ao Museu do Louvre

Embora seja um lugar que se leva horas para esgotar todas as obras e objetos de modo a apreciá-los significativamente (a maioria das pessoas prefere visitar em diversos dias) é emocionante estar diante da Monalisa (Leonardo da Vinci) ou da obra A Liberdade guiando o Povo, de Eugene Delacroix, dentre tantas outras.

Monalisa, inclusive, sempre imaginamos um quadro maior, mais imponente, eis que nos deparamos com uma obra de 50×60 cm, posta em uma redoma de vidro quadrada, numa sala que mal conseguimos nos adentrar, tamanha quantidade de visitas que a pintura recebe. Ainda assim, a obra de Leonardo da Vinci fascina pelas histórias tanto do artista quanto da pintura em si.


Nas visitas virtuais pode apreciar algumas das coleções que integram o acervo deste imenso museu e exposições temáticas.

Ir para os Online Tours do Museu do Louvre.


Contamos consigo:

Nos comentários pode partilhar com todos os colegas sugestões e ligações para visitas, iniciativas, espetáculos ou exposições online.

Obrigado!


Emilia Mori foto (002)

Emília Mori

Colaboradora no “Citaliarestauro.com” – Criação e tutoria do Curso “Linhas Gerais da Gestão Museológica” e do Curso “Patrimônio Cultural” e vários artigos. Experiência profissional nas áreas da docência e museologia. Pós Graduação em Gestão e Ensino a Distância; Graduação em História; Pós-graduação em Gestão Museológica;  Pós-graduação em Docência; Graduação em Direito; Pós graduação em Patrimônio Cultural.

Da autora

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Fill out this field
Fill out this field
Por favor insira um endereço de email válido.
You need to agree with the terms to proceed

Newsletter

Menu