Quer conhecer Coco Chanel? Uma artista que mudou a moda e as mentalidades.

Newsletter

A 10 de Janeiro de 1971 morreu Coco Chanel no Hotel Ritz, em Paris. Relembrá-la é relembrar as suas inovações no campo da moda mas com influência ao nível de comportamentos e de mentalidade.

Foi verdadeiramente uma artista de vanguarda. Muitas das suas criações caraterizaram-se pela rutura e pela provocação relativamente aos cânones estabelecidos e abriu o caminho à Arte da Moda.

Algumas das suas inovações tornaram-se intemporais como os modelos fluídos com corte masculino, o tailleur e o incontornável vestido preto.

Autora – Fátima Muralha


“Gabrielle n’est pas uniquement la célèbre couturière Coco Chanel. Sa nature passionnée, audacieuse, avant gardiste, a fait d’elle un personage à multiples facettes.”

In: http://www.chanel.com/fr_FR/gabrielle/

 (“Gabrielle não é somente a célebre costureira Coco Chanel. A sua natureza apaixonada, audaciosa e vanguardista fez dela uma personagem multifacetada”).

 

Biografia de Coco Chanel

Gabrielle Bonheur Chanel nasceu em Saumur, a 19 de Agosto de 1883. A sua mãe era lavadeira e o pai comerciante de roupas. Teve mais cinco irmãos.

Em 1895 a sua mãe morreu e Grabielle foi levada para um orfanato católico onde permaneceu até 1903. Aos dezoito anos foi viver para uma pensão católica em Moulins começando a trabalhar num atelier de costura.

Cerca de  1907 – 1908 foi cantora num cabaré tendo adotado o nome de Coco Chanel. Em 1910, passou a viver com o industrial inglês, Arthur Capel, que a apoiou na abertura da sua primeira loja, a “Chanel Modes”, uma chapelaria que rapidamente se expandiu para o ramo da moda. Capel morreu em 1919 num acidente de automóvel.

Durante a segunda guerra mundial, período em que se envolveu com um oficial alemão, Coco Chanel terá tido dificuldades em manter a sua casa que voltou a reabrir em 1954.

Morreu a 10 de Janeiro de 1971, no Hotel Ritz, em Paris, onde viveu os últimos anos da sua vida.

A rutura com o espartilho

As criações de Coco Chanel logo no início da sua carreira de estilista afirmaram uma nova forma feminina de estar e de vestir.

Rompendo com as roupas espartilhadas e incómodas que vinham do final do sec. XIX as suas criações eram fluidas, com tecidos leves e confortáveis e por vezes inspiradas no corte masculino.

Gabrielle Coco Chanel

O tailleur

O intemporal tailleur Chanel foi apresentado no período da 1ª guerra mundial (1916) e faz parte das coleções Chanel desde essa altura. São icónicas as imagens de grandes figuras da sociedade com este saia e casaco.

Tailleur Chanel anos 60

Tailleur Chanel anos 1960

https://de.wikipedia.org/wiki/Chanel-Kost%C3%BCm#/media/File:Cream_Chanel_suit,_late_1960s.jpg

Jacqueline Lee "Jackie" Bouvier Kennedy

Jacqueline Kennedy com um tailleur Chanel- 1963

https://de.wikipedia.org/wiki/Chanel-Kost%C3%BCm#/media/File:Kennedys_arrive_at_Dallas_11-22-63_(Cropped).jpg

Chanel nº 5

Atualmente é perfeitamente normal que as casas de costura e estilistas criem igualmente fragrâncias e maquilhagem. Coco Chanel foi a primeira a criar perfumes e o seu Chanel nº 5 (por ser a quinta fragrância por ela criada), “um perfume com cheiro de mulher“, lançado a 5 de maio de 1921 tornou-se intemporal.

O Chanel nº 5, num frasco Art Deco, foi incorporado à coleção permanente do Museu de arte Moderna de Nova York, em 1959.

CHANEL_N°5

Foto: Jonn Leffmann https://pt.wikipedia.org/wiki/Coco_Chanel#/media/File:CHANEL_N%C2%B05.jpg

O vestido preto

“Uma mulher precisa de apenas duas coisas na vida: um vestido preto e um homem que a ame”.

Em 1926 o preto estava quase reservado aos homens, às viúvas e às fardas das empregadas domésticas. O vestido preto de corte simples apresentado por Chanel tornou-se até hoje um básico em qualquer guarda roupa feminino.

Coco Chanel 1936

Coco Chanel – 1936

Conheça a coleção relativa a Chanel no Met Museum

Conheça mais sobre Gabrielle no site official da casa Chanel


Aprenda mais sobre história da arte

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Fill out this field
Fill out this field
Por favor insira um endereço de email válido.
You need to agree with the terms to proceed

Newsletter

Menu