o que é museu | definição complexa e controversa

Definir o que é museu constitui uma tarefa complexa e controversa. Desde o início do conceito até aos desafios que se colocam atualmente o conceito de museu tem sido objeto de amplas teorizações e polémicas.

Vamos, neste artigo, apresentar apenas algumas das respostas possíveis à questão: o que é museu ?

o que é museu


Texto : Emília Mori, que no curso Linhas Gerais da Gestão Museológica desenvolve de forma aprofundada estes conceitos e a evolução dos museus ao longo da história.


o que é museu | origens

o que é museu im 1

Quartzito lanceolado Bifaz de Atapuerca (Burgos, Espanha), datado em cerca de 350.000 anos.

Museu é uma palavra de origem no grego Mouseion. Contudo, museu como local de preservação de objetos antigos com finalidade cultural tem origem bem mais remota. Os homens primitivos do Período Paleolítico possuíam vários tipos de objetos guardados, a exemplo temos os artefatos encontrados nas tumbas.

o que é museu im 4

Escavações arqueológicas em Tell el-Mukayyar, Iraque.

Um conceito mais aproximado de o que  é museu  como na modernidade, nos remete ao segundo milênio a.C., na Mesopotâmia, quando os cidadãos dessa região copiavam as inscrições mais antigas para educarem os jovens. Tempos mais tarde, em Ur, os sacerdotes mantinham uma coleção de antiguidades no local anexo à escola do templo – onde era identificada quase como o sistema de exposição atual.


o que é museu | atualidade

Muito caminho foi percorrido tanto no que respeita à evolução do museu enquanto espaço físico como à teorização do conceito.Até a metade do século XX, os museus eram passivos diante da sociedade, pois seus critérios administrativos e aquisitivos eram arbitrários.Porém, após uma crise conceitual e com severas críticas, houve aprofundamento científico de seus conceitos, causando a reformulação a partir de 1970, e, com isso, a fase da fundação da museologia moderna.o que é museu de acordo com a descrição de Cristina Bruno:“De instituições elitistas, colonizadoras, sectárias e excludentes, os museus têm procurado os caminhos da diversidade cultural, da repatriação das referências culturais, da gestão partilhada e do respeito à diferença de forma objetiva e construtiva.

De instituições paternalistas e autoritárias, os museus têm percorrido os árduos caminhos do diálogo cultural e da convivência com o outro.

De instituições isoladas e esquecidas, os museus têm valorizado a atuação em redes e sistemas, procurando mostrar a sua importância para o desenvolvimento socioeconômico.

De instituições devotadas exclusivamente à preservação e comunicação de objetos e coleções, os museus têm assumido a responsabilidade por ideias e problemas sociais”.

o que é museu | definição do ICOM

Portanto, o que é museu no século XXI, é definido com bastante complexidade e permanece controverso.A explicação mais comumente utilizada é dada pelo respeitado órgão internacional International Council of Museums (ICOM), na sua 20.ª Assembleia Geral, em 6 de julho de 2001:

“Museu é uma instituição permanente, sem fins lucrativos, a serviço da sociedade e do seu desenvolvimento, aberta ao público e que adquire, conserva, investiga, difunde e expõe os testemunhos materiais do homem e de seu entorno, para educação e deleite da sociedade”. 


a abrangência do conceito

Seja qual for a definição de “Museu”, conforme Luciano dos Santos Teixeira em TEIXEIRA, (Luciano dos Santos. Patrimônio Cultural. Aula 8: Museus e Arquivos: Interfaces com o Patrimônio Cultural. Curso de Pós-Graduação de Gestão Museológica, Instituto Cotemar. Minas Gerais. 2010), outras instituições também podem ser alcançadas pela mesma definição:

 Além das instituições designadas como “Museus”, podem se considerar incluídas nesta definição:

  •  Os sítios e monumentos naturais, arqueológicos e etnográficos.
  • Os sítios e monumentos históricos de caráter museológico, que adquirem, conservam e difundem a prova material dos povos e de seu entorno.
  • As instituições que conservam coleções e exibem exemplares vivos de vegetais e animais – como os jardins zoológicos, botânicos, aquários e vivários.
  • Os centros de ciência e planetários.
  • As galerias de exposição não comerciais.
  • Os institutos de conservação e galerias de exposição, que dependam de bibliotecas e centros arquivísticos.
  • Os parques naturais.
  • As organizações internacionais, nacionais, regionais e locais de museus.
  • Os ministérios ou as administrações sem fins lucrativos, que realizem atividades de pesquisa, educação, formação, documentação e de outro tipo, relacionadas aos museus e à museologia.
  • Os centros culturais e demais entidades que facilitem a conservação e a continuação e gestão de bens patrimoniais, materiais ou imateriais.
  • Qualquer outra instituição que reúna algumas ou todas as características do museu, ou que ofereça aos museus e aos profissionais de museus os meios para realizar pesquisas nos campos da Museologia, da Educação ou da Formação.
  • Como se pode notar, a definição mais recente esforça-se em ser mais abrangente, especialmente em seu último item, quando incorpora “qualquer outra instituição que reúna algumas ou todas as características do museu…”. Essa direção espelha toda a trajetória de diversificação e complexificação vivida pelos museus.”

2 Comentários. Leave new

  • Olá! 🙂 Apesar do texto ser notadamente um resumo bem didático e informativo, acredito que seria interessante acrescentar o fato de se considerar museu a partir de questões práticas e obrigatórias, tais como projeto de museu, regimento interno, registro, plano museológico, setor educativo, equipe especializada e a presença do museólogo nesses espaços.

    Responder
    • Fátima Muralha
      14/05/2019 21:27

      Olá Rose. Obrigada pelo seu comentário. Realmente o conceito de Museu e as atividades de museologia são demasiado complexas para serem abordadas num só artigo. O que se pretendia era sistematizar o conceito e significado. Convido-a a ler os vários artigos que já publicámos no nosso blogue, secção Museologia. Vamos partilhando vários aspetos e de vários autores com perspetivas diferentes. O link é o seguinte https://citaliarestauro.com/category/museologia/
      E aguardamos os seus comentários. Obrigada

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Fill out this field
Fill out this field
Por favor insira um endereço de email válido.
You need to agree with the terms to proceed

Newsletter

Menu