Como restaurar uma tela de grandes dimensões?

Restauro de pintura sobre tela de grandes dimensões

Neste artigo veja as soluções encontradas para o restauro de pintura sobre tela de grandes dimensões. para além das questões éticas e técnicas que sempre se colocam em qualquer trabalho de conservação e restauro foi necessário equacionar questões muito práticas relacionadas com a movimentação e colocação desta pintura.


Pode estar interessado no artigo O que é restauro e conservação de património ?


Restauro de pintura sobre tela de grandes dimensões | as questões que surgiram

O restauro de pintura sobre tela levanta sempre questões éticas e técnicas importantes.

O correto diagnóstico, levantamento de patologias e relatório de intervenção prévio são sempre indispensáveis. Para além disso, o planeamento e organização das tarefas a executar tem de ser minucioso e a preparação dos meios e materiais de teste e intervenção adequada.


Leia os artigos “o que é a camada cromática numa pintura sobre tela”

e Métodos de análise de pintura sobre tela.


E o que dizer quando nos deparamos com uma tela de altar, instalada num mecanismo de elevação, com mais de cinco metros de comprimento?

restauro de pintura sobre tela

Tela de Altar Igreja da Misericórdia de Esposende

Neste caso as questões levantadas tornam-se ainda mais numerosas e o trabalho preparatório mais necessário. Há que considerar vários aspetos relacionados com a dimensão da tela:

  • a retirada da tela sem causar danos,
  • o espaço necessário para o desenvolvimento de todas as ações conservativas
  • o acesso a todos os pontos da obra
  • os materiais a escolher: por exemplo, a reentelagem foi realizada com tela de poliester muito leve em vez de tela de linho para evitar criar mais peso na obra.
  • o processo de suspensão.

restauro de pintura sobre tela de grandes dimensões | a proposta de tratamento

Com base nas condicionantes acima descritas (dimensão e posicionamento da tela) e no seu estado de conservação foi formulada a seguinte proposta de tratamento.

1.Descida da tela.

2.Remoção mecânica de poeiras.

3.Remoção das bandas aplicadas em intervenções anteriores.

4.Prefixação com Primal  B60 a 50% em água.

5.Aplicação de verniz Dammar diluído  30% em White Spirit.

6.Teste de hidrocarbonetos.

7.Aplicação de facing”com gaze cirúrgica e B.E.V.A. Gel 371.

8.Preparação da tela para transporte.

9.Remoção de remendos e colas do reverso.

10.Limpeza mecânica do reverso com  gel de CMC.

11.Planificação dos vincos.

  1. Viragem da tela para remoção do facing.

13.Remoção do facing.

14.Testes de solubilidade segundo método de Feller.

15.Limpeza  química,

16.Aplicação de verniz extrafino de retoque a 50% em White Spirit,

17.Aplicação de remendos em linho com B.E.V.A. filme e polyester.

18.Impermeabilização e reforço das bandas superior e inferior com linho médio.

19.Reentelagem com B.E.V.A. Gel a frio e polyester.

Pode visualizar estas intervenções no video seguinte.


Conheça os cursos de conservação e restauro

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Fill out this field
Fill out this field
Por favor insira um endereço de email válido.
You need to agree with the terms to proceed

Newsletter

Menu